quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

À ALEXANDRA SOLNADO

Se o livro foi uma surpresa, o comentário da Alexandra a esse texto, aqui no blog, foi outra.

A Alexandra está fora do país e eu ainda não tinha tido oportunidade de lhe contar. E era a primeira pessoa a quem quem queria ter contado.

Porque se o livro aconteceu foi em grande, enorme, quase toda, parte, por influência dela.

Porque isto da escrita começou com um email que lhe enviei quando o meu filho estava doente, e até já mostrei aqui num dos textos esse email. Depois de o ler a Alexandra começou-me a dizer que eu tinha de escrever. Uma coisa que nunca me tinha passado pela cabeça. Mas continuei quieta. Entretanto comecei a ouvir Jesus dizer-me a mesma coisa, e quando eu perguntava para quê, para quem, respondia-me que para Ele. Mas estava incrédula. Até que um dia, de repente a Alexandra perguntou-me:
-Então, já começaste a escrever?
-Não...Vou escrever para quem?...
-Para Ele.

Emudeci e percebi que a coisa não estava para brincadeiras. Nem sabia como começar. E a Erica e a Tatiana Neto convenceram-me a iniciar um blog, como conto no primeiro texto.

Mas se Jesus me propôs que escrevesse foi porque já conectava com Ele. E se conectava com Ele foi porque a Alexandra possibilitou isso. De outra forma eu nunca teria acreditado que estaria ao meu alcance.

Quando numa livraria peguei por acaso no primeiro livro da Alexandra, só para chegar a um livro que estava atrás do dela, senti uma vibração altíssima. Pousei o livro e tive que voltar a pegar. Não tinha dúvidas da energia que estava lá dentro (tinha sido aquele amigo de que falo no texto "Alma Portuguesa" que me tinha ensinado a sentir e a identificar a energia dos livros). E podia esperar tudo menos sentir aquela vibração naquele livro.

Depois de ler e estudar Deepak Chopra, Brian Weiss, Eckart Tole, e muitos outros, e de conhecer a obra deles de trás para a frente e da frente para trás, como é que ia ter algo a aprender através da Alexandra Solnado, que ainda por cima assumia logo na capa do livro que eram mensagens de Jesus, o que para mim era ridículo?

(A propósito, ter visto a Alexandra há um ano atrás ser cabeça de cartaz de uma palestra nos EUA, ao lado de Deepak Chopra, e ter ouvido contado por ela, as conversas que teve com ele e com o Brian Weiss foi das maiores emoções que senti).

Acho que esse foi o meu primeiro acto de coragem. Ler o livro. A grande surpresa. Como é que podia estar ali condensada tudo o que para mim era verdade? Como?? Também já aqui contei como encontrei a Alexandra no dia seguinte a ter lido o livro.

E o segundo acto de coragem foi fazer o primeiro curso. Março de 2004.

Ainda há dias contei à Alexandra que me lembro perfeitamente das primeiras palavras que ela disse nesse curso: "Este curso foi todo ditado por Ele". E nesse momento senti como uma descarga eléctrica no meu corpo. E senti: Ele está aqui. Incrível.

No primeiro exercício de meditação vi-O. Senti-O. A energia d'Ele entrou no meu coração. E fiquei colada à cadeira. Em silêncio, com as lágrimas a caírem, não me levantei durante o intervalo. Não conseguia. Estava em choque. E em êxtase.

E essa é grande diferença de tudo o que tinha aprendido. Até aí tinha acedido a imensa informação. Mas tudo no plano mental. Sabia imensa coisa, informação considerada secreta, muita informação que nem tinha sido divulgada em Portugal, mas a minha vida estava igual, nada mudara. Porque o que mudou a minha vida foi a transformação que a energia de Jesus operou em mim e no meu coração. Deixar a Luz entrar, deixar que mexa no nosso coração, é a grande diferença. Foi aí que tudo começou a acontecer. Muito para além do que podia esperar. Muito, muito, para além.

A minha mãe, e muitas amigas dizem-me: Sabes que eu não acredito na Alexandra.

Sei e compreendo. Ela também nunca precisou que ninguém acreditasse nela. Limita-se a cumprir o seu compromisso de passar a mensagem. Lembro-me de ter atendido uma senhora, professora catedrática, científica, que me dizia que só acreditava na Alexandra porque ela não fazia esforço nenhum para que acreditasse. Na verdade, cada um tem o seu tempo. Quando o aluno estiver preparado o mestre aparece.

Todos têm o seu tempo. Eu dou graças a Deus por ter aberto a minha mente e o meu coração. Por ter arriscado acreditar no improvável. Por ter arriscado deixar-me guiar pela minha intuição e pelo meu coração. Contra tudo e contra todos.

O que se passou a partir daí já fui contando nestes textos.

Tudo o que aprendi com a Alexandra e através dela transformou-me. Se alguma coragem tenho tido foi porque nunca vi maior exemplo de coragem do que o dela.

Trabalhar com a Alexandra, fazer terapia com ela, conviver com ela, conversar com ela, poder almoçar ou jantar com ela, foi dos maiores presentes que o Céu me deu, porque ela põe em prática na vida dela tudo o que ensina e à medida que vai recebendo informação, e eu aprendo com ela, ao vivo e a cores, como fazer. É como se estivesse a aprender tudo em directo.

Por isso, ler este comentário dela me deixou tão imensamente feliz!

OBRIGADA ALEX!

9 comentários:

Graça disse...

Meu Deus, que privilégio todo o teu percurso!
Sinto-o por ti, o conversar, o ouvir os conselhos, tudo o que a Alexandra nos diz sente-se.
Não consigo explicar melhor, mas sei que tanto tu como as pessoas que lêem o teu blog compreendem o que quero transmitir.
No fazer com que os outros sintam está o verdadeiro dom. Muita gente escreve, por vezes até muitíssimo bem, mas as palavras escritas nem sempre chegam à alma de quem lê. Aí reside a diferença dos iluminados.
Não preciso de dizer mais nada, pois a tua alma já captou o que a minha sente em relação a tudo isto.
O projecto maravilhoso que a Alexandra nos proporciona tem como limite o Céu, e é para lá que trabalhamos e nos encaminhamos.
Um abraço muito apertado.

Essencialma disse...

Olinda, essas palavras!! :)
Eu acho que quem frequenta as aulas da Alexandra, não pode deixar de sentir uma gratidão muito grande, pelos ensinamentos, mas pela linda energia que passa cada vez que ela nos conta acontecimentos, e toda a dinâmica com Jesus...
Aquela alegria, a inquietação do entusiasmo, quase como o de uma criança, o brilho nos olhos...faz-nos sentir a veracidade da pessoa que está á nossa frente.
Eu também digo sempre ás pessoas que respeito a opinião delas acerca da Alexandra e do projecto, e claro que com tudo o que se diz, tive dúvidas, mas também digo, para terem opinião vão lá conhecê-la, assim, sim...podem ter uma opinião mais real....podem sentir a verdade delas, que é a coisa que mais prezo neste caminho, a nossa verdade!
E algumas vezes, quando me dizem coisas, em tom de algum gozo, confesso que já cheguei a dizer, a Alexandra também tem um sentido de humor maravilhoso, ia adorar :P
E pelo menos, na maioria das vezes ficam a pensar, não que concordem ou mudem de opinião, mas ficam a pensar!

Quando leio essas palavras percebo-as tão bem, porque quando estou com vocês e sinto tudo o que o projecto envolve, é tanta a gratidão...
E logo no primeiro curso que fiz lembro tão bem de ter pensado, um fim de semana, isto devia ser uma semana com estadia :)
Então ter isso todos os dias, na vida, e ter a vida com base nesses ensinamentos, realmente a gratidão deve ser imensa.

Eu na minha escala, tenho uma gratidão enorme, por vos ter a vocês, a ti, á Lúcia, á Alexandra, se bem que já lá vai um tempo, que não assisto a aulas...que falta já me faz!
E agora vê, a gratidão enorme, por o teu blog, trazer isso para a minha vida muito mais frequentemente, mesmo com a distância...percebes?!
Não há palavras!!!

Beijo enorme...e mais uma vez, um super obrigada pela tua amizade, e por seres essa pessoa linda!!

Lurdes disse...

Que mais posso dizer, senão agradecer, agradecer, a todo o projecto e em especial à Alexandra.
Se não fosse o projecto, os cursos, as aulas, as terapias, etc... Não estaria feliz como estou, não teríamos o teu livro, nem consigo imaginar como seria.
Confesso que me sinto agora, com um grau muito grande de dificuldade em escrever. Sei que a grandiosidade deste projecto, faz-me também sentir grande na Luz... Irradiando raios de convicção, aceitação e ajuda-me a quebrar padrões que eram autênticos fósseis na minha vida. A subtileza, a magia, etc, fazem agora parte da minha vida.
A vida é mágica, mesmo mágica... porque jamais me imaginaria aqui, a comentar um texto teu e dedicado à Alexandra... Por isto e tudo mais deixo aqui um agradecimento muito grande, a quem me conduziu para este caminho, e a todos os que me acompanharam quando cheguei e continuam a acompanhar. Incondicionalmente... Sempre, sempre apontando para um caminho de Luz... Fazendo-me sentir e mostrando-me a casa a que pertenço... de onde vim... E como se chama o teu livro: Quem eu sou... Pois é se hoje me sinto ser, é porque me consegui encontrar aí...
Um abraço do tamanho do Universo...
Do tamanho da imensidão da Luz...
Lurdes Jóia

Lena Valente disse...

Aproveito a tua boleia para partilhar que no dia em que procurei a Alexandra quando a Sara estava nuito doente e ela me limpou tive uma experiencia tão intensa com Jesus que ainda hoje comemoro esse dia como o dia da minha rendição à Luz DELE. Desde esse dia nunca mais nada foi igual.
Obrigada a ti por partilhares e a Alexandra por TUDO ( não dá para descrever o TUDO porque é muito)
Lena

Alexandra Solnado disse...

Vocês são demais!!!
Nem dá para comentar...
Obrigada, lindas.

Beijoooooooooooooooooooo

Anónimo disse...

A minha história de dar credibilidade ao trabalho da Alexandra começou bem mais tarde...tb eu achava ridículo o facto dos livros dizerem ser ditados por Jesus, tb eu achava surreal imensa coisa...o meu acto de coragem começou tb quando peguei num livro existente em minha casa desde...2001 ou por aí!!!! Tive até 2009 sem o ler!! (ou 2008)! Grande acto de coragem o meu :-)) ..depois não parei de o ler até que chegou ao fim (era "Este Jesus que vos fala", mais tarde viria a ser "A Entrega" (se não me engano). Depois, devido ao deslumbramento mostrado por uma pessoa bastante significativa para mim, fui ao 1º curso (2º acto de coragem :-))..a partir daí tem sido uma caminhada fantástica que me abriu as portas para um conhecimento completamente abrangente das coisas (universo em geral)..sabe quando andamos um pouco ceguetas e alguém nos vem limpar as lentes e clarear-nos a vista de tal forma que parece entrar o sol de rompante e quase cegar-nos com tanta luz?? Heheheh!! Tenho imenso para caminhar ainda..a Alexandra seduziu-me principalmente pela paixão e envolvimento que coloca na sua forma de comunicar connosco e a alegria com que o faz é prova mais que evidente de tudo o que se queira provar (eu já nem quero provar nada e acho que essa tb é a atitude que ela tem - para quê provar algo? Não precisa!!!). Jesus está sim presente, começo a sentir que nós é que nem sempre estamos presentes, são apenas estas as vezes em que não o sentimos por lá..aliás é difícil porque mal se entra no local e tchananmmm é uma torrente de energia fabulosa que nos escarrapacha contra nós próprios, do género: "ou mudas, ou mudas" e "só tens estas hipóteses" :-)) ..tudo isto para dizer: Parabéns Olinda e Obrigada !

Anónimo disse...

Olinda, desculpe, a anonima anterior é a Paula, a mesma que já fez um comentário posts atrás! Esqueci-me de me identificar! Beijinho.

Olinda Cristina disse...

Estou encantada com todos os comentários...How lucky I am!...OBRIGADA!
:)))))))))))))))))))))))

Anónimo disse...

...e passado dois anos desta msg ser escrita , faço uma pesquisa no google que não tinha nada a ver com isto e aparece me esta msg do céu, obrigada, veio de encontro às respostas que precisava hoje...